O chá e o café podem diminuir o risco de AVC e demência

Um estudo, da Tianjin Medical University, revelou que beber café ou chá pode estar relacionado com um menor risco de AVC e demência.


A pesquisa acompanhou, por mais de uma década, 365.000 pessoas com idades entre 50 e 74 anos, participantes do programa UK Biobank. Durante o período da pesquisa, 5.079 deles desenvolveram demência e 10.053 tiveram pelo menos um derrame.


Depois de analisados os dados, os pesquisadores descobriram que as pessoas que bebiam de duas a três chávenas de café ou de três a cinco chávenas de chá por dia, ou uma combinação de quatro a seis chávenas de café e chá, tinham um menor risco de derrame ou demência.


Os que beberam duas a três chávenas de café e duas a três chávenas de chá por dia tiveram um risco menor (32%) de derrame e de demência (28%), em comparação com aquelas que não bebiam chá ou café.


A pesquisa sugere que o consumo moderado de café e chá separadamente ou em combinação estava associado a um menor risco de acidente vascular cerebral e demência.


Contudo, os cientistas alertam para o fato de que o UK Biobank reflete uma amostra relativamente saudável em relação à população em geral, o que poderia restringir a capacidade de generalizar essas associações.


 

Bibliografia


Zhang Yuan, Yang Hongxi, Li Shu, Li Wei-Dong, et al. Consumption of coffee and tea and risk of developing stroke, dementia, and poststroke dementia: A cohort study in the UK Biobank. PLoS Med. 2021 Nov; 18(11): e1003830. Published online 2021 Nov 16. doi: 10.1371/journal.pmed.1003830


 

Por: Marta Crespo: Nutricionista do clube de saúde Kalorias Linda-a-Velha, membro efetivo da Ordem dos Nutricionistas nº3448N

24 visualizações